Equipes de Alta Performance


Qual foi a sua melhor experiência em equipe? O que o time tinha de especial?


Como membro de equipe, minha equipe favorita foi a de Qualidade & Produtividade (Q&P) no BankBoston. Participei da formação da área junto com o Marco Ho, diretor de RH, e Mauricio Krambek, gerente de finanças.


Nossa missão era implementar a cultura Six Sigma, demanda da matriz americana e novidade no mercado financeiro nacional. Trabalhamos muito, aprendemos muito e nos divertimos muito para tropicalizar a metodologia e gerenciarmos a mudança cultural com executivos de diversas áreas. Foi nessa época que comecei a dar treinamentos, após ser certificado como Black Belt na primeira turma BankBoston da América Latina! Os resultados vieram, fiquei conhecido em todo o banco e fui promovido até me tornar analista sênior.


Mauricio Krambek e Calebe Luo palestrando sobre Six Sigma no BankBoston. (acervo pessoal)

E sim, eu tinha essa cabeleira na época!


Além dos resultados, o especial nessa equipe foi o relacionamento de confiança e amizade que desenvolvemos. Éramos muito bons no que fazíamos e nos dávamos muito bem. Olhando para trás, éramos um equipe engajada, mesmo sem saber o que isso significava. Não tinha tempo ruim. Como o Marco sempre reforçava: "Somos pragmáticos!"



Engajamento e Alta Performance


Pesquisas da Gallup descobriram que equipes engajadas apresentam resultados superiores, como:

  • Produtividade 17% maior;

  • Vendas 20% mais altas;

  • Lucratividade 21% maior.


Equipes engajadas geram alta performance porque seus membros estão envolvidos, entusiasmados e comprometidos com seu trabalho e local de trabalho. Eles vestem a camisa, são proativos e dão o seu melhor todos os dias.


Após estudar dezenas de milhares de equipes ao redor do mundo, a Gallup identificou 3 características das equipes de alta performance:

  1. Elas compartilham uma missão e propósito.

  2. Todos os membros da equipe compreendem e aceitam que são excelentes em algumas coisas e não tão boas em outras.

  3. Os membros da equipe sabem como trabalhar juntos.


Vamos olhar para cada característica com mais atenção, fazendo um estudo de caso com uma série de filmes que é bastante conhecida pelo trabalho em equipe...


A franquia Missão: Impossível já arrecadou mais de US$ 3,5 bilhões de bilheteria, com uma taxa de retorno sobre investimento de 4.35x, sendo a 11ª maior franquia do mercado, ficando à frente de 007 e X-Men.



Sua missão, caso escolha aceitá-la, é analisar e refletir sobre essas 3 características e aplicar os aprendizados para desenvolver a performance de sua equipe. Boa sorte, agente!



1) Equipes de alta performance compartilham uma missão e propósito.


Top 5 CliftonStrengths do Ethan Hunt: Ativação | Estratégico | Organização | Foco | Individualização


A Força Missão Impossível (IMF) forma equipes para resolver missões específicas. Todos sabem muito bem porque foram chamados, qual é o objetivo da missão e porque ela é relevante. Os agentes são convidados a participarem de equipes ad-hoc, então precisam estar realmente engajados com a missão e uns com os outros para serem bem-sucedidos.


"Missão cumprida!" -Ethan Hunt

Equipes de alto desempenho focam num propósito em comum ou num desafio de desempenho que seja claro e estimulante. Pode ser uma meta corporativa ou um problema a ser resolvido, mas é algo que todos consideram importante e motivador.


Para refletir: Qual é a missão e o propósito de sua equipe? São claros e estimulantes? Todos compartilham deles?



2) Todas os membros da equipe compreendem e aceitam que são excelentes em algumas coisas e não tão boas em outras.


Top 5 CliftonStrengths do Luther Stickell: Restauração | Organização | Analítico | Excelência | Relacionamento


Nas equipes de Missão: Impossível, temos especialistas em diversas modalidades: tecnologia, campo, disfarce, explosivos, etc. Cada um é o melhor no que faz, confia no outro para fazer a sua parte e colabora para que a missão dê certo.


Como líder, reconhecer e organizar os membros da equipe acordo com seus Pontos Fortes constrói confiança e engajamento.


Cada pessoa se sente valorizada, sabe que traz valor à equipe e assume o compromisso sobre sua contribuição para o sucesso da mesma. Além disso, uma pessoa conta com as outras para colaborarem e atingirem o resultado juntas.


Para refletir: Os membros de sua equipe conhecem seus Pontos Fortes? As pessoas certas estão nos lugares certos? Como está a colaboração dentro da equipe?



3) Os membros da equipe sabem como trabalhar juntos.



Nenhuma equipe é isenta de atritos e desentendimentos. Em Missão: Impossível, os membros da equipe precisam se entrosar rápido, ou a missão pode ficar comprometida. À medida que os agentes trabalham juntos, eles se conhecem melhor, a confiança mútua aumenta, há menos surpresas e brigas desnecessárias.


Na abordagem baseada em Pontos Fortes, talentos são nossos filtros da realidade. Conhecendo os talentos da outra pessoa, suas inclinações de pensamento, sentimento ou comportamento ficam mais previsíveis. Conhecendo meus próprios filtros, consigo lidar melhor com os filtros dos outros. Tenho linguagem e ferramentas para melhorar a interface entre as pessoas, com objetivo de julgar menos e trabalhar melhor juntos.


Equipes de alto desempenho discutem, debatem, o clima esquenta, mas o conflito é construtivo. São perspectivas diferentes de pessoas diferentes, buscando atingir o mesmo resultado. Membros da equipe superam a visão de confronto "eu contra você" e procuram a melhor solução para a equipe vencer.


Para refletir: Você se sente à vontade para expressar o que pensa ou sente? Sua equipe valoriza a diversidade de ideias? Os conflitos costumam ser mais construtivos?



O que líderes podem fazer para aumentar o desempenho de suas equipes?


Individualizar é a palavra-chave para uma gestão de alto desempenho. Cada pessoa é diferente, e é essencial conhecê-la para motivar e estimular seu desenvolvimento efetivamente.

  1. Lidere com base em Pontos Fortes. Compreenda e aprecie os talentos e os Pontos Fortes de seus colaboradores e utilize esse conhecimento para preparar cada pessoa de forma única para ser bem-sucedida. Aumente seu autoconhecimento, para otimizar seus talentos e gerenciar seus pontos cegos (vieses inconscientes naturais) e pontos fracos.

  2. Lidere focando no engajamento. Priorize o engajamento de sua equipe para garantir que as necessidades dos colaboradores sejam atendidas. A Gallup estudou e identificou os 12 Elementos do Engajamento que geram maior resultado de negócios, o Gallup Q12.

  3. Lidere maximizando o desempenho. Estabeleça expectativas claras e metas de desempenho, forneça feedback baseado em pontos fortes e faça ajustes para ajudar sua equipe a agir, realizando conversas constantes 1:1 e também em equipe.


Para refletir: Você conhece os Pontos Fortes dos membros da sua equipe? Quão engajados eles estão? Você tem sido intencional em desenvolver o desempenho de cada membro?



Atenção: Essa mensagem se autodestruirá em 5... 4.. 3... 2... 1...


Equipes de alto desempenho não nascem prontas. É necessário que os líderes sejam intencionais e consistentes para que o discurso seja vivido na prática. E podem contar com nossos serviços de coaching tanto para gestores, quanto para equipes.


O Coaching de Pontos Fortes para Gestores oferece autoconhecimento para que o(a) gestor(a) alavanque seus talentos naturais e gerencie seus pontos cegos e fracos.


Já o Team Coaching de Pontos Fortes foca nos membros das equipes e melhora a comunicação, teambuilding e trabalho em equipe.


Quer saber mais? Entre em contato comigo.


Boa jornada!



Leia também:



Sobre o autor:

Calebe Luo (o "Ninja dos Pontos Fortes") é um evangelista ativo e multiplicador do movimento de Pontos Fortes no Brasil desde 2016. Durante uma carreira de sucesso em serviços financeiros, ele descobriu sua paixão por desenvolver pessoas e seguiu este chamado iniciando uma nova carreira fundando o Kenshin Coaching e participando da primeira formação Gallup no Brasil. É trainer, mentor e coach de indivíduos, casais e equipes profissional e eclesiasticamente. Ele é fã Disney, Marvel, mangás e cultura geek.


Esse post é de cunho cultural, para democratizar a cultura de Pontos Fortes CliftonStrengths. Missão: Impossível é marca registrada da Paramount Pictures Corporation. Todos os personagens são de propriedade intelectual da Paramount Pictures Corporation. Os nomes e descrições dos temas de talentos CliftonStrengths e Q12 são propriedade da Gallup, Inc.

This post is a cultural piece, created to democratize CliftonStrengths culture. Mission: Impossible is a trademark of Paramount Pictures Corporation. All characters are intellectual property of Paramount Pictures Corporation. Names and descriptions of CliftonStrengths talent themes and Q12 are property of Gallup, Inc.


29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

© 2021 Kenshin Coaching | São Paulo | Termos de Uso e Serviços | Política de Privacidade e Conteúdo

  • LinkedIn Calebe Luo
  • Facebook Kenshin
  • Instagram ícone social
  • YouTube ícone social